Pâes Protéicos
 
 

Como parte de nossa missão, a Vogler trabalha para estar sempre próxima de seus clientes e fornecedores, trabalhando sempre em conjunto e visando beneficiar todos os envolvidos. Nosso objetivo em levar à FISA mais de vinte protótipos estrategicamente elaborados foi, portanto, o de oferecer aos nossos clientes e visitantes ideias de aplicações que os permitam compreender as inúmeras possibilidades de aplicação de cada ingrediente. Assim, acreditamos que podemos ajudá-los a atender às necessidades de seus consumidores e atingir posição de destaque no mercado.


Dentre os protótipos mais adorados no estande da Vogler na FISA 2018 estão os pães proteicos, feitos em dois sabores: multigrãos e brioche. Cada unidade proporciona seis gramas de proteína, mas o sucesso do produto é dado não apenas pelo conceito, mas também pela perfeita aplicação dos ingredientes, a qual proporciona um bom aporte proteico sem deixar o produto aerado ou seco, comumente ocorrido neste tipo de aplicação.


A seleção de protótipos foi cuidadosamente elaborada pelos nossos times de vendas, marketing e P&D, com base em dados de mercado relevantes. Compartilhamos agora alguns dos principais insights que nos levaram a acreditar na oportunidade que existe para pães proteicos:


HÁ OPORTUNIDADE NO MERCADO


Os consumidores estão cada vez mais procurando ingerir produtos que tragam saúde, sem perder o sabor e especialmente sem precisar evitar produtos que gostem e já tenham em suas dietas rotineiras. Como um dos alimentos principais da mesa dos brasileiros, o pão e demais produtos de panificação são alimentos críticos neste novo contexto, e sua reformulação para produtos mais saudáveis se torna cada vez mais importante.


Como muitos estudos confirmam, a ingestão de proteína está ligada ao aumento da sensação de saciedade, além de outros benefícios à saúde. Assim, acredita-se que a aplicação de tal ingrediente seja uma ótima oportunidade também para o mercado de panificação, o qual tem um grande potencial de conquistar clientes com produtos assados, saborosos e saudáveis.


Diferentes pesquisas mostram o interesse dos brasileiros em produtos de panificação com maior aporte proteico. Uma pesquisa feita pela Innova em 2017 aponta que oito por cento dos entrevistados considera o teor de proteínas um fator importante na escolha de um produto de panificação. Já uma pesquisa feita pela Lindberg International em parceria com a Arla Foods Ingredients em 2018 mostrou que quase metade dos entrevistados em São Paulo alega que gostaria de ver nos mercados pães com maior quantidade de proteínas.


No Brasil, produtos de panificação são mais comumente consumidos no café da manhã e nos lanches entre refeições - 75% e 47% dos consumidores respectivamente, de acordo com a Innova. Pela Lindberg, estes mesmos horários também são os preferidos para consumo de proteínas: 48% dos paulistanos afirmam que consomem proteínas para estabelecer uma base sólida pela manhã, 47% para auxiliar em dias longos e ocupados e 35% buscam proteínas em seus snacks. Possivelmente, tais informações revelem uma das principais razões pela alta procura de proteínas em produtos de panificação; assim como auxiliem estratégias para desenvolvimento de produtos e posicionamento.


De acordo com uma pesquisa da Mintel de 2018, a busca por produtos com alto teor de proteína pode ser ainda um nicho, mas cresce significantemente no mercado. A pesquisa compara o crescimento de produtos com alegações proteicas e aponta um espaço quando se trata de panificação, em especial na América Latina (Figura 01). Além disso, a Lindberg afirma que 61% dos entrevistados nesta região pagariam mais por produtos com maior teor de proteínas. Assim, a Mintel identifica este cenário como uma oportunidade para o desenvolvimento do segmento.


O aporte proteico em produtos de panificação é viável para a diversificação de produtos de panificação, pois pode permitir o uso de alegações como “fonte de proteína” ou “alta proteína”, o que será bastante convidativo aos consumidores, de acordo com um relatório da Innova. A mesma publicação conclui que há uma variação entre a preferência dos consumidores em relação às fontes de proteína, que variam devido a gostos, alergias / intolerâncias alimentares, e considerações éticas / sustentabilidade. Com um portfólio diversificado, a Vogler oferece soluções para a grande maioria dos públicos; contate nossos vendedores para entender mais!


 
 
 

 

 

 

www.vogler.com.br

 
© 2018 Vogler Ingredients Todos os direitos reservados