Acordo é assinado para redução de açúcar nos alimentos
 
 

Segundo a matéria publicada pelo portal G1, uma redução gradativa na quantidade de açúcar foi acordada entre o Ministério da Saúde, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e associações produtoras ligadas à indústria dos alimentos. A proposta é reduzir até 33,8% da substância em refrigerantes, até 32,4% para bolos, e até 10,5% para os achocolatados.

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o brasileiro consome em média 80 gramas de açúcar por dia, 50% a mais do que o recomendado. A meta é chegar a uma redução de 144 mil toneladas da substância nos próximos quatro anos em bolos, misturas para bolos, produtos lácteos, achocolatados, refrigerantes, sucos, entre outros produtos.

 

A Vogler possui um portfólio diversificado de edulcorantes de alta intensidade, também denominados de adoçantes, como sucralose, stevia, além de soluções para substituir o açúcar nos alimentos. “Entre os nossos parceiros estão a ADM, Jungbunzlauer, Daepyung, Kimica Corporation, Gelymar, além da linha de soluções combinadas desenvolvida pelo nosso P&D, Vogler Systems”, enumera a Gerente P&D/ Manager R&D, Ana Lúcia Barbosa Quiroga.

 

Para a gerente da Vogler, o grande desafio na substituição é conferir volume, textura e dulçor similares ao açúcar. “Edulcorantes de alta intensidade, também conhecidos como adoçantes, são mais doces e, desta forma, não fazem a troca adequadamente e não trazem a sensação de textura do açúcar, o que é impactante em aplicações como panificação e confectionary.”

 

Entre as soluções oferecidas pela Vogler, por meio dos seus parceiros, destacam-se:

 

• Fibersol®, do parceiro ADM: uma maltodextrina resistente e, portanto, uma fibra solúvel extraída do milho. Possui baixa viscosidade, tem sabor neutro e baixa higroscopicidade, além de sua alta tolerância digestiva. Natural, é declarada na rotulagem como ingrediente;

• Erylite - Eritritol da Jungbunzlauer: é um poliol de ocorrência natural e dulçor de aproximadamente 70% em relação ao açúcar. Destaca-se pelo baixo valor calórico, 0,2 Kcal/g, a alta tolerância digestiva e a baixa higroscopicidade;

• Stevia (glicosídeos de steviol) da Daepyung: um dos líderes no mercado de stevias e especialista na tecnologia de extração de stevias de qualidade sensorial premium, sem residual e excelente perfil sensorial. Graças à tecnologia de Daepyung, é possível oferecer alternativas isoladas ou combinadas, entregando dulçor e sabor semelhantes ao açúcar;

• Hidrocoloides – alginatos, da Kimica Corporation, e carragenas da Gelymar, estão entre os hidrocoloides que são alternativas naturais para substituição do açúcar pela capacidade de se ligar à água. Destaque também para o agar, gomas guar, xantana, carboximetilcelulose, além de fibras solúveis e insolúveis do portfólio de hidrocoloides da Vogler, como alternativas atrativas para compor a substituição do corpo do açúcar;

• Vogler Systems – soluções combinadas que entregam corpo e dulçor para cada aplicação específica, desenvolvidas pelo time técnico.

 

“Desenvolver soluções que aliem sabor e saudabilidade, com ingredientes que contribuem na melhoria da saúde da população, é a meta da Vogler e seus parceiros. Por isso, estamos sempre em busca de alternativas para atender à crescente demanda de ingredientes naturais e que permitam um rótulo limpo, sem esquecer do público com necessidades específicas, como alergias e optantes por produtos de origem vegetal”, diz Ana Lúcia, apoiadora da proposta do Ministério da Saúde e da Anvisa para a redução gradativa de açúcar nos alimentos como medida para combater as doenças associadas ao seu consumo excessivo.

“Esperamos contribuir e ajudar a indústria de alimentos neste novo desafio. Nossa equipe técnica, com suporte de nossos parceiros, se antecipou em desenvolver soluções para auxiliar e atender nossos clientes na adequação de suas formulações”, finaliza a gerente da Vogler.

 

Clique aqui para conferir a matéria do G1 na íntegra.

 
 
 

 

 

 

www.vogler.com.br

 
© 2018 Vogler Ingredients Todos os direitos reservados